quarta-feira, 24 de agosto de 2011

Perguntam-me como consigo Poupar


Exemplos do que faço para poupar:

  • Pagar-me a mim própria pelo meu trabalho. Retirar todos os meses do vencimento entre 10 a 5% para poupanças, independentemente do sacrifício que tenha de fazer durante o mês – desde que não falte comer fico tranquila. Esse dinheiro pode sempre servir para uma despesa extra, uma urgência (carro, médico etc)
  • Fazer sempre uma lista dos produtos alimentares que estão a acabar e só comprar esses produtos (dar uma margem mínima para extras).
  • Planear (por alto) o numero de refeições e quando se vai comprar peixe e carne contar com essas refeições.
  • Ir ás compras só quando a comida está quase no fim, para nada se estragar ou ficar “perdido” no congelador.
  • Comer muitas saladas.
  • Fazer iogurtes em casa.
  • Fazer o pão em casa.
  • Trocar as lâmpadas por lâmpadas económicas ou com baixos Watts. Existem agora candeeiros que absorvem a luz solar.
  • Só abrir a torneira de segurança da água no máximo quando tiver a máquina de lavar louça e roupa a funcionar e fechar a mesma todos os dias antes de sair de casa.
  • Fechar todos os dias a torneira de segurança do gás quando se sai de casa. Para se ter uma ideia, o meu consumo reduziu tanto que eu pensava que tinha uma fuga de gás e chamei um técnico. Não abrir a torneira no máximo e principalmente no Verão reduzir a torneira que está junto ao esquentador (não há necessidade de fazer gastos extras de gás com água tão quente nesta altura)
  • Trocar os perfumes por essências ou ter só 1ou 2. Exemplo: 1 para o trabalho outro para sair (evita-se estar sempre a lavar a roupa por causa do cheiro que fica)
  • Fazer lista de coisas extras que vão sendo necessárias e no mês em que a conta do supermercado não atingir o nível estipulado/normal por família, comprar essas coisas.
  • Não ir centros comerciais.
  • Comprar roupa que faça conjuntos, assim como, acessórios.
  • Só ponho gasóleo ao fim de semana e na Repsol porque além do desconto do cartão tenho o desconto de fim de semana.
  • Só carrego os telemóveis quando já não dá para fazer chamadas e muitas vezes deixo-os andar porque não faço mas recebo.
  • Raramente tomo refeições fora, bebo um café, como um bolo etc. A minha maluqueira é gelados aos fins de semana, mas nos meses mais apertados compro-os no supermercado (andava com ideia de os começar a fazer em casa mas a nutricionista proibiu-me).

Preciso de organização para puder fazer uma das coisas que mais gosto, não abdicando por isso de comer com qualidade: não quero saber do preço da carne (é que nem como carne de porco que é a mais barata), do peixe, das frutas e legumes. Etc.

Eu sei que para muita gente sou estranha, principalmente para as mulheres que adoram compras mas eu ODEIO COMPRAS. Outros pensam que sou rica...

Todos estão enganados!!!



quarta-feira, 17 de agosto de 2011

Quero Voar!


Hoje não sou real. Quero que alguma coisa se transforme dentro de mim... que saía mas não quer sair.




Estou presa numa cadeira, numa secretária e queria ver o Mundo.

Queria voar, queria viver os meus sonhos e acordar nas asas de um anjo... aquele que sonhei que um dia me embalava e abraçava cheio de Luz e me levava para outros Mundos, esse anjo que por “um dia” se transformou num Diabo mas que apareceu na minha vida e ficou.

O meu amor é tão grande e o meu sentir tão grandioso que não cabe neste espaço que hoje me prende. Hoje não deveria de estar aqui, deveria ser livre, de ser uma pena. Hoje era o dia em que deveria de conseguir aumentar a minha capacidade de sonhar, de me transportar para outros lugares e hoje não saio daqui!!!

Hoje existe uma enorme distância entre mim e a estrada que quero percorrer e que me faz sentir medo.

Mas amanhã será um novo dia e eu vou acordar num outro lugar porque sonho e conseguir sonhar traz-me alegria e faz-me viver feliz dentro do Mundo dos Homens, no Mundo que construi para mim...


sexta-feira, 5 de agosto de 2011

Uma loura no Metro de Lisboa


No passado Sábado fui a um almoço fantástico com umas meninas lindas e fantásticas que fazem parte da sociedade Secreta PV ou 5º Piso, as Power Cyber Girls - nós somos membros permanentes e não tarda nada temos direito a medalhas por  frequência - porque o almoço era no Chiado e para ser mais fácil decidi ir de...metro, essa coisa terrível que alguém inventou e que anda debaixo da terra como as minhocas.

Primeiro problema: A bilheteira está fechada
Segundo problema: Como é que funcionam as máquinas?
Terceiro problema: Sua burra eu já disse que não vou comprar o Cartão Viva porque só faço intenções de andar de metro daqui a outros tantos 9 anos - eu sou chique sua parvalhona: só avião :)
Quarto problema: O telefone de ajuda chama mas ninguém atende e na estação não se viva alma (os mortos também não colaboraram lá muito ou então estavam a partir-se a rir ás minhas custas :D)
Quinto problema: Começo a desesperar e a enervar-me, vou chegar atrasada, não tenho o telefone de ninguém.
Solução do problema: ao longe vejo uma coisa pequenina, fardada, começo a gritar pela estação de metro: ajude-me, ajude-me que eu não sei tirar o bilhete a máquina é parva e pede-me um estúpido de um cartão que eu não quero e não tem outra opção (não riam sff). O Sr. muito simpático vai comigo há máquina e explica-me que AGORA é obrigatório tirar o Cartão Viva depois com o recibo eles devolvem esse dinheiro.

Sou o perfeito exemplo de uma loura profunda - e depois não querem ser vitimas de anedotas!!! Até em Xangai foi mais fácil andar de Metro e aquilo está escrito em Inglês e em Chinês, Tuga só complica!

Depois de um almoço divinal, de uma companhia fantástica lá fui eu outra vez para o Metro para ir trabalhar.
Destino: Estádio de Alvalade.

Para qualquer comum mortal que usa a cabeça a lógica é olhar para o mapa e pensar: "Tenho de descer na estação de Alvalade" e desci... como não estava a ver o Estádio perguntei a um velhinho para que lado era o Estádio de Alvalade e o Sr. responde: " O Estádio de Alvalade é na próxima estação".
Esta gente burra constrói o Estádio de Alvalade no Campo Grande? Ou mudam o nome da estação ou do estádio, decidam-se... e depois a loura sou eu!!!!!!!

O Sr. ajudou-me a entrar de novo no metro e depois na estação seguinte tive de forçar a saída ou ficava ali. Nada que uma adolescente de 39 anos não esteja habituada a fazer com um policia mesmo ali ao lado.

O policia não me viu e eu cheguei ao meu destino inteirinha para ver o leão entrar no campo.
Pena que não o soltaram porque se ele comesse os jogadores do Sporting eles já não tinham desculpas para o mau futebol que têm vindo a apresentar :D