sexta-feira, 11 de novembro de 2016

Pão por Deus

No dia 1 de Novembro o Diogo foi ao seu 1 Pão por Deus e adorou.

Na segunda-feira tinha aparecido na creche mascarado e estava tão bem que ainda hoje uma das educadoras sente-se incomodada (naquele dia só gritou).


Quando a minha mãe soube como o Diogo se ia vestir para o Halloween disse que eu não ia conseguir porque ele ia ficar assustado. Ontem não resisti, mostrei-lhe as coisas todas ( ligaduras, faca, caveira, sangue, aranha, teias de aranha) e expliquei o que vou fazer. Quis vestir tudo, pôr todos os adereços e no fim diz:
- Ah ah ah vou ficar assustador!!!

Ta-se mesmo a ver que se está a "borrar" de medo 😏

O Comboio Assador

O meu filhote ontem teve uma GRANDE aventura: Foi a Algés com a avó Be ver o comboio que assa castanhas.

Quando me ligou a contar estava tão excitado que nem se percebia o que ele dizia. 😘

quinta-feira, 6 de outubro de 2016

O Líder

- Eu ajudo mãe.
E lá vem ele atrás de mim com os lençóis. Olho para os bracinhos dele e digo:
- Esqueces-te o branco!
Mete um em cima da cama e por baixo...
- Não esqueci mãe porque eu sou um líder.

(Começa cedo)

No Baloiço

A menina encostada á grade de proteção do baloiço grita para os pais:
- Estou á espera para andar de baloiço...
O Diogo que estava a andar no baloiço vira-se prontamente para ela e deslavadamente diz:
- Espero que não tenhas MESMO mais nada para fazer!!!

(Com ênfase no MESMO a miúda lá esperou...até o baloiço do lado vazar) 😏

segunda-feira, 19 de setembro de 2016

Espécie Animal

Nova espécie animal:
- Pai, tu és um irritossauro.

Se ele pensa isto com 3 anos o que pensará com 13???

A Porca

Ontem foi um dia cheio de brincadeiras e aventuras, fomos aos Burros do Magoito e ao Sobreiro.
O Diogo ia andar de burro mas chegou lá e preferiu o ponei. Andamos de charrete, ele pentiou o pônei, deu de comer aos burros e outros animais, fez festas á porca e a ovelha, pegou nos coelhos, brincou no parque e fez uma enorme birra para sair de lá.
Gostei tanto do atendimento e da atenção que deixei gorjeta, afinal só tínhamos combinado os 30 minutos de ponei e depois aconteceu aquilo tudo.

Fomos em direção as Sobreiro para fazer o piquenique - sim, íamos de lancheira atrás. Lá o Diogo explorou a fundo o castelo e todos os cantos e recantos, incluindo tocar umas 300 vezes no botão para ver o comboio dar voltas e voltas e voltas. Gostou muito da Casa do Porco e depois de almoço foi complicado tirá-lo de lá e ele também não me deixava sair.

Á noite estávamos deitados a conversar, como estamos a maior parte das noites e eu faço-lhe a habitual pergunta:
- O que é que gostaste mais de fazer hoje?
De resposta pronta na ponta da língua, ele responde sem qualquer excitação:
- De tu a fazeres de porca na Casinha dos Porcos!!!


sexta-feira, 9 de setembro de 2016

Tenho Dias

Tenho dias ou alturas do dia em que só me apetece chorar, sinto-me desfalecer e sem força.
Se me perguntarem se está tudo bem comigo, terei de responder que sim e nem é de todo mentira porque no meio de tantas mudanças para melhor outras mudanças ainda melhores se aviInham.

Então o que se passa comigo que volta e meia sou abalada por esta angústia que me tira lágrimas dos olhos e só elas me satisfazem?

segunda-feira, 5 de setembro de 2016

Macacos no Nariz

- Diogo não comas os macacos que tiras do nariz porque eles vão para a tua barriga e lá não têm nada para comer e morrem.
- Eu como amendoins!!!

Depois lá lhe disse que ele tinha de deitar os macacos para a rua porque senão eles ficavam tristes porque estavam sozinhos sem os outros animais da selva. Passados 5 minutos ouvi:
- Já deitei mãe. Assim eles já comem amendoins, bananas e cenouras como os outros animais!?

1° Dia de Creche

Foi no dia 1 de Setembro é o Diogo adorou, portou-se muito bem e deu um ar da sua graça linguística quando sentado na caminha quer ir brincar e a auxiliar diz-lhe:
- Está na hora de dormir. Não podes ir brincar.
E ele responde:
- Que tragédia!!!

quarta-feira, 31 de agosto de 2016

Uma Tristeza

Só ontem tive a certeza absoluta que o Diogo ia para a creche, não por uma questão de vaga mas por uma questão de custo. Se alguns papéis não fossem aceites pela Santa Casa da Misericórdia a prestação subiria para níveis...

Sempre se soube que quando o Diogo fizesse 3 anos eu gostaria de o ter na escola. Em Maio a minha mãe disse ao meu pai que o Diogo em Setembro iria para a escola, conversa sempre tida desde que ele nasceu e no inicio do mês o meu marido disse ao meu pai que o Diogo ia para a escola em Setembro.

Ontem tive a reunião definitiva na creche e hoje liguei ao meu pai para lhe dizer que amanhã o Diogo já ia para a creche - e ele está super ansioso por ir.

Quando o meu marido foi buscar o Diogo, hoje a casa do meu pai foi presenteado com sacos de roupa e de brinquedos que o meu o informou que era para ele levar.

O Luís ainda lhe disse para os brinquedos lá ficarem para quando o menino lá fosse mas ele respondeu que depois o Diogo levava os brinquedos e que eu fosse buscar o saco das minhas coisas porque ele precisava do espaço ( num terreno de 500m2 atulhado de coisas, ferro velho, um saco faria a diferença).

Enfim... Uma Tristeza!!!

Onde Aprende Estas Coisas???

Ontem:
O Diogo está à quase 1h sentado na sanita e diz que ainda não fez o cocó todo. Eu já estou mais que furiosa porque ele quer a minha companhia e dói-me o cu de estar sentada no bide a jogar com ele no tablet porque ele grita por mim.

- Acabou-se Diogo, estou farta. A mãe está cedo em casa para brincar contigo, estou farta de te pedir para irmos jogar para o sofá e tu insistes em ficar aqui. Não queres brincar comigo vou-me deitar.

O pai sem dramas pediu para ele sair da casa de banho e ele saiu imediatamente.
- A mãe?
- Está deitada.

Chegou ao pé de mim, viu-me triste e disse:
- As minhas mais sinceras desculpas, mãe.

quinta-feira, 18 de agosto de 2016

Outra vez: Tou Fato

O Diogo esta semana tem ido para casa da avó, como saiu tarde o pai ligou e perguntou-lhe se ele queria ficar em casa da avó é o Diogo respondeu que queria ir para casa.

São 18.30 e ligo à minha mãe que acabou de chegar a casa com o Diogo:
- Filhote queres ficar aí ou queres vir para casa?
-#@$%% (não entendi a resposta)
- Diogo ficas aí ou vens para casa?
- Já disse ao pai. Tou farto!!!

domingo, 10 de julho de 2016

Eu é os Coelhos?

O meu pai ligou-me dia 6 a dar os Parabéns. Pediu desculpa porque confundiu a data com a do nascimento dos coelhos. Nem me surpreendeu este esquecimento mas não entendi a comparação com os coelhos.

Liguei para a minha mãe a perguntar se ela se lembrava se eu tinha sido feita à canzana.

terça-feira, 5 de julho de 2016

Imposições

Na entrada do parque infantil o Diogo faz disparates. Ralho com ele e ele imita que está a cuspir ( anda com esta mania e às vezes sai mesmo gafanhotos), dou-lhe uma palmadita na boca e ralho com ele pala 1000 vez para ele não fazer isso e ele sentido chora.

No final da tarde ao sair do parque diz ele com ar autoritário:
- para a semana venho para o parque e vocês não me vão fazer imposições!!!

Assim?  Derepente e com todas as letras?  Sem erros de dicção???  Está bonito isto!!! 

segunda-feira, 4 de julho de 2016

Chorar

Sonho deixar de chorar por um dia que seja. Tenho outros sonhos, ou acho que tenho porque ando a perder-me nas minhas lágrimas, mas não sei bem onde estão.

Não tenho esperança mas tenho medo. Tenho medo de um dia deixar de chorar e algo pior aconteça.

quinta-feira, 16 de junho de 2016

Privado

As coisas mudam e por agora e aproveitando que estou em fase de uma série de mudanças na minha vida VOU FECHAR este blogue.

Ele estará disponível a nível privado pois continuarei a escrever mas neste momento sinto-me presa por ele ser público e sinto muito receio de escrever muita coisa que me vai na alma. O que começou por ser uma espécie de diário está a tornar-se um peso psicológico para mim porque não posso desabafar e tenho medo de o fazer publicamente.

Vou continuar com este meu diário de vida mas Privado, quem me quiser seguir terá de se identificar devidamente quando enviar um e-mail a fazer o pedido.

A transição dar-se-a durante a última semana deste mês de Junho, portanto em Julho já estarei em modo privado.

Os blogues Come a Papa e Programas em Família mantêm a mesma linha.

Beijinhos a todos os que me acompanharam :)

quinta-feira, 12 de maio de 2016

Onde Ir

Ás vezes perguntam-me como arranjo tantos sítios onde ir, outras dizem que ando sempre a passear mas a verdade é que procuro fazer coisas diferentes. quero a vida seja interessante para o Diogo mas que também´me não nos aborreça. 

Tinha várias coisas escritas em várias páginas, lugares que por vários motivos acumulei por achar que poderiam ser interessantes que agora reuni e decidi publicar para poder ser útil para outras pessoas que me fazem essas perguntas. Ainda faltam alguns documentos e pastas mas por agora é o que consegui fazer. 

Aceito outras sugestões e vou tentando actualizar quer seja de actividades pagas ou gratuitas.

Aquário Vasco da Gama Lisboa
Azenhas do Mar Sintra
Badoca Park   V. N.de Stº André
Barragem Póvoa e Meada  Castelo de Vide
Buddha Eden  Bombarral
Centro Ciência Viva do Lousal  Lousal
Centro Cultural de Belém Lisboa
Cinemateca Júnior Lisboa
Conchanata / Gelados Itália Lisboa
Coninbriga  Condeixa Nova
Convento dos Capuchos Sintra
Cova dos Mouros - Parque Mineiro Alcoutim
Eco-resort Zmar  Odemira
Estufa Fria Lisboa
Falcoaria de Salvaterra de Magos Salvaterra Magos
Fluviário    Mora
Fragoleto Lisboa
Geladaria A Veneziana Lisboa
Gelados Italianos do Chef Nino Lisboa
Jardim Botânico da Ajuda Lisboa
Jardim Botto Machado - Campo de Santa Clara Lisboa
Jardim da Alagoa Cascais
Jardim da Estrela Lisboa
Jardim da Estufa fria Lisboa
Jardim da Gomes Amorim - Casa da Moeda Lisboa
Jardim da Gulbenkian Lisboa
Jardim da Tapada das Necessidades Lisboa
Jardim das Amoreiras Lisboa
Jardim do Cabeço das Rolas Lisboa
Jardim do Palácio Galveias Lisboa
Jardim do Torel Lisboa
Jardim Marechal Carmona Cascais
Jardim Zoológico  Lisboa
Jardins da Cascata da Quinta Real de Caxias Oeiras
Krazy World Messines
Mata de São Domingos de Benfica Lisboa
Monte Selvagem Montemor Novo
Museu Berardo  Lisboa
Museu da Água da EPAL (SÃO 4) Lisboa
Museu da Carris Lisboa
Museu da Ciência e História Natural  Lisboa
Museu da Comunicação Lisboa
Museu da Eletricidade Lisboa
Museu da Marioneta  Lisboa
Museu do Azulejo Lisboa
Museu do Brinquedo  Seia
Museu do Oriente  Lisboa
Museu do Pão Seia
Museu Nacional do Traje  Lisboa
Natur Water Park  Sabrosa
Oceanário Lisboa
Palácio Nacional e Jardins de Queluz Sintra
Parque Ambiental do Alambre Azeitão
Parque Aventura da Fóia  
Parque Aventura do Jamor  Oeiras
Parque Bensaúde  Lisboa
Parque da BD – Turma da Mônica Amadora
Parque da Liberdade Sintra 
Parque da Paz Almada
Parque da Pedra   Lisboa
Parque da Quinta das Conchas Lisboa
Parque de Merendas da Alameda Keil do Amaral  
Parque de Merendas do Moínho do Penedo Lisboa
Parque do Alvito Lisboa
Parque dos Moinhos de Santana Lisboa
Parque dos Monges Óbidos
Parque dos Poetas Oeiras
Parque Eduardo VII Lisboa
Parque Infantil da Praia de Salgueiros V. N. de Gaia
Parque Infantil da Serafina Lisboa
Parque Infantil do Covelo Porto
Parque Infantil do Jamor Oeiras
Parque infantil no Campo Grande Lisboa
Parque José Gomes Ferreira ou Mata de Alvalade  Lisboa
Parque Marechal Carmona  Cascais
Parque Morais  Parede
Parque Municipal de Oeiras Oeiras
Parque Recreativo da Serafina Lisboa
Parque Silva Porto Lisboa
Parque Urbano Felicio Loureiro  Queluz
Pavilhão do Conhecimento Lisboa
Piscina Oceanica  Oeiras
Piscina Oceanica Alberto romano Cascais
Piscinas Praia Grande Sintra
Planetário Calouste Gulbenkian  Lisboa
Planetário de Lisboa Lisboa
Portugal dos Pequenitos  Coimbra
Praia da Adraga Sintra
Quinta da Alagoa  Carcavelos
Quinta da Montanha Mafra
Quinta da Regaleira  Sintra
Quinta das Conchas  Lisboa
Quinta Pedagógica Armando Villar Cascais
Quinta Pedagógica d' Alvarenga Barcelos
Quinta Pedagógica de Loures ou Quinta da Granja Lisboa
Quinta Pedagógica de Portimão Portimão
Quinta Pedagógica dos Olivais Lisboa
Quinta Pedagógica Monte das Arouchas Serpa
Quinta Pedagógica o Moinho Braga
Reservatório da Patriarcal Lisboa
Santuário da Peninha Sintra
Sealife  Porto
Serralves  Porto
Surf Lisboa
Tapada das Necessidades Lisboa
Tapada Nacional de Mafra Mafra
World Of Discoveries
Porto
Zoo Santo Inácio V. N. de Gaia

quinta-feira, 5 de maio de 2016

Alugo Bebé para Adormecer Adultos

Desde á algum tempo que o Diogo, volta e meia, conta histórias para adormecer.
Era uma vez um dinossauu e o ovo... Era ua vez a Guáda do Rei Leão e o rugido... Era uma vez e depois ele... e blá blá blá.....

Ontem fui-me deitar ligeiramente mais cedo e mal dei por eles se deitarem. Hoje de manhã oiço esta conversa do pai para o filho:
- Oh filhote desculpa,  o pai adormeceu a ouvir as tuas histórias e não ouvi o fim!!!

Lancei um: HÃ???? e desmanchei-me a rir, depois questionei-me interiormente quem terá tomado conta do puto!?

terça-feira, 3 de maio de 2016

Os Baloiços

Uma das melhores coisas que nos dão a noção de como os nossos filhos crescem não é só ver como eles brincam mas também ver como eles brincam nos parques infantis e o uso que dão aos equipamentos.

O meu filho já anda de baloiço ao máximo que cada um deles dá. Se ele crescesse a este ritmo iria voar dentro de poucos dias.


Foi Assim

Há quase 1 mês atrás era assim...


sexta-feira, 29 de abril de 2016

- Mãe Reza

O Diogo pediu-me para rezar, era um assunto em stand by e nunca insisti quando ele decidiu que já não queria mas agora voltou a querer e no outro dia até me pediu para entrar na igreja para ver Jesus e ajoelhou-se ao lado de uma senhora que estava a rezar e pediu-me para rezar... Mais uma vez!!!

O Diogo agora quer rezar sempre e sendo assim eu começo a nossa reza especial mas ele decidiu acrescentar a sua parte:
- Meu anjo da guarda, minha doce companhia, guarda-me durante a noite, protege-me durante o dia. Um beijinho para o meu pai, para a minha mãe - e para a avó Be - muita saúde para os meus amigos e família - e para a avó Be. Ámen.

Eu juro que não temos conversas paralelas lá em casa na frente dele exactamente porque não queremos confundir a sua cabeça e que ele crie juízos de valor mas a cada dia que passa ele conta os dias para ir para casa da avó Be, todos os dias pergunta se é sexta-feira. E a situação agravou -se desde a algum tempo com o que ele assistiu :(

segunda-feira, 18 de abril de 2016

Já Foste!!!

Casa de banho dos anos 80 sem graça, morta???? Já foste, pahhh!!!

Autocolantes do ebay: 3.45€. 
Cesto da roupa de verga normal. já cá estava mas dei-lhe uma graça forrando-o com feltro e baseei os desenhos numa antiga colecção (Ms Birdie) da Loja do Gato Preto. 
Toalhas coloridas á venda em qualquer loja (também tenho toalhas rosa e amarelas da cor do cortinado de banho para substituir).  
Dois Cortinados Lidl por menos de 20€.



sexta-feira, 8 de abril de 2016

Elogios

Sabe bem receber elogios e toda a gente gosta mas existem elogios e ELOGIOS e este últimos marcam-nos.

No mês passado a minha mãe, melhor entendedora e conhecedora de toda a minha pecaminosa vida a todos os níveis disse-me:
- Nunca pensei que fosses a mãe que és. Com tanta calma, paciência e disponibilidade. A sério que nunca pensei que fosses a mãe que és.

Ontem uma colega de trabalho vendo o meu entusiasmo no livro do Peter Pan disse-me:
- Eu nem acredito que tu, tendo vivido o que vives-te, tendo a experiência de vida que tens, , Continues a acreditar nessas coisas e vivas nesse Mundo. Como é possível!??

quinta-feira, 7 de abril de 2016

Siddhartha e...


Depois de reler Siddartha, que infelizmente já não me aqueceu o coração (se calhar porque reli) estou a ler uma história que me está a deixar encantada. 

Comprei a versão do Relógio de Água com 190 páginas e estou apaixonada pelo livro - Aconselho a leitura de Peter Pan de J.M Barrie

Mais Sombras

Brincadeira que vieram para ficar e que se reinventam.

quarta-feira, 6 de abril de 2016

Existe Melhor?

- Gôgô queres ver o tablet ou brincar com a mãe?
- Bincar contigo, mãe.

Emoções

Tenho loopings. 
As quebras emocionais são tão fortes, que em dias como os de hoje, tenho medo de mim.
Mantém-te alerta!!! Mantém-te desperta!!! Mantém-te centrada!!! Vive. Sorri...

Toda a minha vida está centrada em ti. Sem ti não sou nada, não serei ninguém- Por ti TUDO.

terça-feira, 5 de abril de 2016

Dias de Nostalgia e Vazio

Ás vezes tenho nostalgia das coisas que nunca hei-de viver: o pedido de casamento e as várias bodas, a adopção de crianças, a "catrefada" de filhos, as viagens.

O vazio da vontade de correr mundo a matar a fome, dar colo, gritar para correrem na minha direcção. Dias em que choro por dentro, com vergonha de chorar por fora, do Mundo em vivo. 

Tenho medo. Tenho fome. Não sei se tenho Esperança, mas tenho medo. Tenho um vazio qualquer dentro de mim que precisa de ser preenchido. Constantemente preenchido, está sempre vazio. Preciso constantemente saciar-me com qualquer coisa: um grito, um sorriso, uma Esperança, uma Luz.

Tenho sonhos e vejo-os como imagens reais. Às vezes queria não ter para conseguir viver de uma maneira mais objectiva mas não sou capaz de fugir do que sou e ás vezes queria ser outra pessoa. Ser fria para deixar de procurar, escarafunchar, estar muitas vezes insatisfeita, triste.

Preciso deixar de chorar, por mim, por ti, pelo Mundo. Preciso de Paz.

segunda-feira, 28 de março de 2016

EDP Meia Maratona de Lisboa

Diogo o que é que mais gostaste de ver na Meia Maratona?


Depois de aplaudir efusivamente a passagem dos corredores em cadeiras de rodas... fiquei surpreendida com a noção dele "àquela diferença" porque nunca contactou com nenhuma.

Á Procura do Lobo Mau

- Vamos á procura do Lobo Mau?
Foi com esta pergunta que ele acordou no Domingo dia 13 e disse logo que sim. Preparámos-nos para sair rapidamente de casa, aproveitar um fantástico dia de Sol, o facto de termos entradas gratuitas e lá fomos para o Palácio de Monserrate.



Está Aberta a Época Balnear 2016

Eu sei que já devíamos saber que Diogo e praia dá sempre em banho mas até estava um belo solinho naquele Sábado, dia 12 de Março e nós aproveitámos para ir arejar e o Diogo aproveitou tudo ao máximo: começou de uma maneira e acabou... conforme o esperado!!!




Dia do Pai 2016

A ideia foi tirada daqui mas claro que eu tinha de inventar, complicar e personalizar a coisa. 

Custo foi quase ZERO €:
- a caixa tinham-me dado uma do Ikea que eu cortei á medida e depois colei e agrafei, 
- as fotos foram trabalhadas on-line, 
- o papel autocolante tinha lá em casa, 
- os frascos são os de salsichas). 

O único custo (objectivo) foi o das Gomas Hussel e o tempo que tive de dispensar para esta obra de arte.

O Diogo fez uma série de trabalhos artísticos em folhas A4 com iogurte com corantes alimentares. 









O Dinossauro

O Diogo anda um bocadinho rabugento e carente, não sei se é triste mas que quer muito mimo, beijinhos e colinho lá isso quer.

No fim de semana passado fomos ao Parque Infantil de Algés, onde ele costuma ir com a Avó Bé, uma menina pequenina encontrou um dinossauro pequenino e deu-o ao Diogo mas a irmã mais velha tirou-lho e mesmo depois de perguntar a todos os meninos e meninas do parque de quem era o dinossauro e de não ter encontrado o dono ela decidiu não o dar ao Diogo mas fazia piraça e meti-o á mão dele quando ele lá chegava ela tirava. 

O Diogo deixou de brincar para perseguir o dinossauro e eu estava a ficar com o coração partido, tal era a cara que ele fazia. Chamei-o mais uma vez, á parte, mas desta vez prometi-lhe que se ele fosse brincar e deixasse de perseguir o dinossauro que eu lhe faria um - felizmente ele entendeu e foi brincar porque o Diogo sabe que a mãe não lhe mente e cumpre as promessas.

Entretanto o pai cabou por sair do parque e foi ao chinês comprar-lhe um dragão (3€) - podem ver a tristeza que o menino tinha e a menina mais nova antes de se ir embora veio dar o dinossauro ao Diogo que se iluminou num suave sorriso lindo. A mais velha já vinha para lhe tirar o dinossauro mas eu não deixei: Ora bolas isso também não se faz pahhhh - e assim se foram embora deixando o meu menino com um dinossauro que se chama Paxi , um dragão voador e como a mãe cumpriu a promessa um dinossauro Pai (cheira-me que ele quer mais daqueles)


O Molde está aqui mas atenção que não é ideal para trabalhar em feltro, o feltro dificulta um bocado a montagem, principalmente a adaptação da cauda ao resto do dinossauro mas mesmo assim foi um trabalho conseguido.

Parque do Alvito Sempre

E porquê? Porque é enorme, tem um barco pirata e muitos outros divertimentos que trabalham as energias e a imaginação das crianças.
Aqui em casa é carinhosamente apelidado de: Parque dos Piratas ou não morasse aqui um Peter Pan sempre disponível para novas aventuras e Carta de Marinheiro tirada nos livros da Walt Disney.



sexta-feira, 18 de março de 2016

7 Anões Para Sempre

São 6h da manhã de quarta-feira, estou na cozinha. Deitado na minha cama e a dormir profundamente está o Diogo. 

Oiço-o falar e penso que acordou mais cedo, fico preocupada porque ele precisa dormir porque teve uma noite agitada mas digo-lhe: 
- Bom Dia amor, a mamã vai já dar-te um beijinho!!!

Chego ao quarto e felizmente ele dorme profundamente enquanto canta:
- Eu vou, eu vou, eu vou para casa eu vou...

quarta-feira, 16 de março de 2016

Transformar Guardanapos em Forminhas para Doces


É simples e muito barato transformar guardanapos em forminhas para doces :)
 <div id="fb-root"></div><script>(function(d, s, id) {  var js, fjs = d.getElementsByTagName(s)[0];  if (d.getElementById(id)) return;  js = d.createElement(s); js.id = id;  js.src = "//connect.facebook.net/pt_PT/sdk.js#xfbml=1&version=v2.3";  fjs.parentNode.insertBefore(js, fjs);}(document, 'script', 'facebook-jssdk'));</script><div class="fb-video" data-allowfullscreen="1" data-href="/CatracaLivre/videos/vb.145632722140414/1161973073839702/?type=3"><div class="fb-xfbml-parse-ignore"><blockquote cite="https://www.facebook.com/CatracaLivre/videos/1161973073839702/"><a href="https://www.facebook.com/CatracaLivre/videos/1161973073839702/"></a><p>Olha só como é simples transformar guardanapos em forminhas para doces!Parceria com eduK</p>Publicado por <a href="https://www.facebook.com/CatracaLivre/">Catraca Livre</a> em Quarta-feira, 17 de Fevereiro de 2016</blockquote></div></div>

segunda-feira, 14 de março de 2016

E Para o Tirar de Lá???

Levar uma criança de quase 3 anos para um lugar destes é como dizer a um adulto que lhe saiu o Euromilhões.


Tá Feito o Dia...

Ontem:
Ele acorda, segreda-me, dou-lhe um beijo no nariz e recebo outro. Ele mete-se de joelhos, mandasse para cima do pai e grita:
- Acorda, palhaço!!!

terça-feira, 8 de março de 2016

Brinquedos a Mais

Tivemos a certeza do que já sabíamos mas é preciso passarmos pelas coisas para termos a certeza absoluta. 

O Diogo tem imaginação e companhia para as brincadeiras suficientes para se entreter com poucos brinquedos, por isso, ontem foi dia de... Pontualmente já fazia uma triagem mas ontem arrumei no sotão mais de metade das coisas e ele não se queixou.

O Dumbo, o Mickey e o Peter Pan continuam a fazer-lhe companhia mas só mesmo para enfeitar :P

O Micróbio e a Bactéria

O Micróbio e a Bactéria são 2 monstros que estão nos sapatos, de andar na rua, dos meninos. Fogem para cima da cama quando metes lá os pés sem te descalçares e provocam doenças e muitos dóis dóis.

O Diogo acabou por encontrar o Micróbio e a Bactéria na caixa dos bonecos. Ficaram todos amigos e eles vão saindo sistematicamente da caixa para participar activamente nas brincadeiras.

São tão feios que ele deixou de meter os pés calçados em cima das camas.

Bactéria e Micróbio

Testamento Vital

A minha mãe ligou-me a pedir para eu lhe imprimir o Testamento Vital. Tive consciência da minha mortalidade e da nossa impotência para enfrentar certos casos da vida. 

Tenho de me debruçar sobre o assunto e tomar uma decisão sobre o que quero para mim mas para já não condeno o direito à morte porque se podemos escolher como vivemos devemos poder escolher como queremos morrer. 

O meu problema são as circunstâncias em que posso ter o direito de fazer essa escolha e a não futura banalização desse direito como por exemplo na Holanda onde já se pede o direito das pessoas com mais de 70 anos puderem escolher se querem viver ou morrer. 

A dor, com limites suportáveis diferentes de individuo para individuo, pode ou não ser aligeirada com medicamentos mas será motivo para alguém querer morrer? E que dor nos dará o direito de  tomar essa decisão? Estaremos mortos presos dentro de nós fechados num quarto de um hospital com cuidados paliativos diários ou teremos o direito de escolher que não queremos viver assim? Apesar de não termos escolhido viver porque a vida foi-nos dado por outros teremos o direito de pedir a outros que nos matem?

Em países onde a eutanásia foi legalizada aconteceram algumas decisões estranhas que eu nunca aceitaria como um direito que alguém tem de poder escolher mas nunca suportaria ver alguém sofrer só porque não pode ter o direito de escolha.

Não consigo imaginar que ela um dia vai morrer. Não estou preparada para a deixar ir nunca seria capaz de lhe desligar a máquina. Não estou preparada para encarar o facto que um dia posso ter de tomar uma decisão, que um dia ela poderá estar a sofrer e que um dia ela deixará de fazer parte da minha vida.

Não imagino um Mundo sem a minha Mãe e agora, com 58 anos, ela quer decidir como morrer. Sempre imaginei que os curtos 14 anos que nos separam iriam envelhecernos juntas e que juntas deixaríamos este Mundo, de mãos dadas, sem sofrimento e sem lágrimas mas no fundo tenho a certeza, porque ela merece, que um dia ela irá simplesmente deitar-se e dormir para sempre. Este documento é pura burocracia.

Pode ver e imprimir aqui o Testamento Vital.

segunda-feira, 7 de março de 2016

Até o Diabo...

Até o Diabo cuida e protege os seus filhos mas tu...

Foi assim que acordei 2 noites seguidas. A verdade é que não passa, acho que nunca vai passar porque a dor é profunda mas tenho a certeza que vai ficar tudo bem. Tenho algumas imagens, voltei a "ver" algumas coisas mas falta-me confiança. Estou insegura e tenho medo! Não sei em que acreditar mas depois...

. . . Existe aquela voz que comecei a ouvir a dormir e depois acordada que me diz:
- Calma Sandra, aguenta-te. Estás bem, o teu filho está bem e vai ficar tudo bem. Espera um bocado porque vai correr tudo bem. Não tenhas medo.Tem força, segura-te no teu filho, ele protege-te!

E assim vou andando: À Espera. Insegura, com Medo mas com Esperança. Alguma coisa me diz para ACREDITAR.

segunda-feira, 29 de fevereiro de 2016

Teatro de Sombras

Com a lanterna descobrimos novas brincadeiras. O Diogo ficou fascinado quando viu a sombra do Peter Pan a voar no tecto do quarto e delirou quando descobriu que a mãe também tinha feito todas as outras personagens e mais Peter Pans. 

Este improvisado teatro de sombras tem feito parte das nossas brincadeiras todas as noites antes de deitar e dá para fazer com tantas personagens basta ter cartolina preta, fita cola, paus de espetada, tesoura e uma impressora para imprimir os "actores" escolhidos. Qualquer pesquisa no Google dará milhares de simples ideias que vão deliciar as crianças. 

Texto? Não tenho textos, deixo-me ir e improviso seguindo as deixas dadas pelo "actor principal" - O Diogo.  


quarta-feira, 24 de fevereiro de 2016

Não Vais Não

Um dos maiores receios era que o meu filho ficasse agarrado ao tablet porque durante as nossas férias de Verão ele todos os dias viu filmes e jogou. Depois de horas de brincadeira na praia e muitos passeios foi-lhe permitido, todos os dias, á noite ver tablet e ele trouxe esse vício.

Um dia eu disse basta. Havia os dias de birras, os dias de má disposição dele, os dias de tablet ou TV e os poucos dias de conversa, jogos e brincadeiras connosco. Até á mesa das refeições!!! 

Eu estava cheia de saudades de E S T A R com ele, brincar, falar, aproveitar todos os momentos juntos. As coisas não estavam como eu queria, eu precisava tanto dele e apostava que ele precisava de nós.

Lentamente e sem pressões fomos mudando o que tínhamos feito de errado e agora apesar do Diogo exercer alguma pressão que poucas vezes é satisfeita, acabamos por receber e dar tempo, atenção e muito mais carinho.

Ontem, á hora da refeição, sem o pai em casa, foi assim:
- Filhote, vou acender acender um bocadinho a TV.
- Não vais não.
- Só um bocadinho.
- Não!!!
E eu não acendi. Sentámo-nos á mesa, ele pediu os livros que lá estavam e começou-me a contar as histórias. Passados 10 minutos já tinha jantado e passados 50 ainda estávamos sentados á mesa a ver livros. Depois ele levantou-se fomos mudar a fralda, vestir o pijama e ver mais livros sentados na cama dele e depois? Fomos-nos deitar na minha cama a ver dinossauros no céu.


sábado, 20 de fevereiro de 2016

Jardim Gulbenkian

Já estava com saudades de uma manhã assim mas o Diogo tem-nos trocado as voltas porque acorda tarde e depois faz enormes sestas.






quinta-feira, 18 de fevereiro de 2016

Quando Morreres

Um dia, quando morreres não me peças Perdão. Só Deus o poderá fazer.

Não te desejo mal mas não sou assim tão iluminada. A tua mãe, saberá o que fazer!!!

Já tem experiência de sofrimento em anos de vida e lágrimas que causas-te com o teu abandono mas a morte deu-lhe outra Luz. 

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016

O Dia dos Namorados

Planeei-o para ser barato e não me dar muito trabalho, não só porque andamos adoentados mas porque o Diogo anda numa fase em que requer muito a minha especial atenção.

Sendo assim, comprei uma embalagem de bolo pão de ló onde bastou acrescentar ovos, leite, corante e levar ao forno numa forma pequena. Bati natas e fiz um creme de morango para a cobertura e para o recheio que fez toda a diferença no sabor do bolo. Cortei-o em forma de coração com a ajuda duma folha A4. Noutra forma fiz o restante da massa e depois cortei com forminhas em forma de coração e cobri com o creme de morango.

Num armazém chinês perto da minha casa comprei a moldura de 2.25€. Fiz o cartão num programa de imagem, acedi á Calculadora do Amor para ver quantos dias estivemos juntos até hoje e o resto foi fazer contas com a ajuda da máquina de calcular.

Um Moscatel de Setúbal a acompanhar tornou tudo muito mais delicioso.





Pré Dia dos Namorados

Fomos "comemorar" um dia antes. 

Ok, não foi bem uma comemoração mas pedimos à minha mãe para ficar com o Diogo visto que íamos sair muito tarde do trabalho na sexta-feira e no Sábado precisávamos recuperar forças porque nenhum de nós estava ainda curado dos dóis dóis que o Diogo nos pegou e assim, sem querer, acabou por ser uma antecipação do Dia dos Namorados com o traseiro fora da cama ás 11h, uma preguiça daqui até ao outro lado do Mundo mas uma cabeça descansada de preocupações mínimas de fazer comer, mudar fraldas, dar água, brincar, etc.

Pensava que me ia sentir culpada mas a verdade é que soube muito bem este dia livre, mais descansado e tranquilo. Desde que o Diogo nasceu foi o primeiro dia só para nós e pensamos repetir a proeza mais vezes. O Diogo adora estar em casa da Avó Bé e a nós, definitivamente, faz-nos falta um pouco de nós.

Onde ir e não ir e lá fomos nós ao TimeOut Mercado da Ribeira. Uma volta, duas voltas e acabámos no Cantinho da Felicidade a beber o belo Rosé da casa e eu comi um MARAVILHOSO Atum dos Açores braseado, manteiga de cebolinho e batata doce salteada. Se derem um salto lá não se esqueçam.



O Carnaval

Podia ter sido melhor mas o Diogo adoeceu no Sábado à tarde e levou-nos a todos atrás.
O pai andou trabalhar, quase sem dormir e cheio de dores no Carnaval de Torres Vedras. E eu, linda e engripada mãe acabei a chamar a minha mãe para ajudar e fazer companhia porque o Gogo doente mete o turbo e não pára pela casa toda. 

Antes tivemos tempo para desfrutar das fantasias e nos divertir-mos na Quinta Pedagogica dos Olivais.